Jornal Cometa

Pai e convidada são baleados durante festa infantil em salão comunitário no DF

Pai e convidada são baleados durante festa infantil em salão comunitário no DF

17 dezembro
10:31 2018

Polícia fala em acerto de contas. Evento comemorava aniversário de 1 ano de criança, na Candangolândia.

Por G1 DF e TV Globo

Marcas de sangue em meio a mesas e cadeiras de centro comunitário — Foto: Reprodução/TV Globo

Marcas de sangue em meio a mesas e cadeiras de centro comunitário — Foto: Reprodução/TV Globo

Um homem de 21 anos foi baleado durante a festa de um ano de 1 ano do filho dele na Candangolândia, no Distrito Federal. Uma convidada de 15 anos também foi atingida, na perna, por outro disparo. O crime ocorreu por volta de 20h30 de domingo (16), no salão comunitário da região.

No momento, apenas um vigilante fazia a segurança do local. Ele disse que os dois criminosos entraram com facilidade no local.

“Entraram normal porque quando a administração aluga o espaço, ele fica aberto. Chegaram atirando para tudo quanto é lado. Cheio de criança, mulher, adulto, jovens. Foi um desespero total”, relatou o vigilante, Geraldo Castro.

Testemunhas relataram que os atiradores estavam atrás do pai da criança. Ele levou dois tiros no peito. Quem estava na hora tentou escapar pela porta dos fundos.

Na correria, foram deixados diversos pertences para trás: celular, calçados e presentes. O salão também ficou com as cadeiras jogadas pelo chão, com marcas de sangue e tiros na parede.

Policiais fazem perícia em local onde houve tiroteio em evento — Foto: Reprodução/TV Globo

Policiais fazem perícia em local onde houve tiroteio em evento — Foto: Reprodução/TV Globo

Os ladrões conseguiram fugir, mas foram presos pela Polícia Militar pouco depois. Eles tentavam voltar para casa, na Vila Telebrasília. Rafael de Oliveira, de 23 anos, e Luís Eduardo, de 18, foram levados para a delegacia, onde a polícia concluiu que se trata de um acerto de contas.

“Esse rapaz [vítima] possivelmente já teria atentado contra a vida de um desses rapaz que vieram atrás dele agora”, declarou o soldado Alessandro Cardoso.

Uma terceira pessoa, que dava cobertura, está foragida. Já o revólver calibre 38 usado no crime foi apreendido.

Parentes das vítimas contam que a adolescente ferida não corre risco de vida. Já o pai do aniversariante passou por cirurgia na madrugada. Procurada, a administração regional informou que vai aumentar a segurança no salão comunitário.

Marca de tiro na parede onde houve tiroteio — Foto: Reprodução/TV Globo

Marca de tiro na parede onde houve tiroteio — Foto: Reprodução/TV Globo

Veja mais notícias sobre a região no G1 DF.

About Author

jornalcometa

jornalcometa

Related Articles

App Jornal Cometa