Festa do ‘Maior Pé de Moleque do Mundo’ terá doce de 24 metros em Piranguinho, MG

Cidade é conhecida por receita tradicional do doce e realiza 14ª edição da festa.

Por G1 Sul de Minas — Piranguinho

13/06/2019 08h36 Atualizado há 36 minutos

Pé de moleque deve bater recorde e chegara a marca de 24 metros em Piranguinho (MG) — Foto: Luciano Lopes


maior do que o doce produzido em 2018.
A 14ª edição da festa do “Maior Pé de Moleque do Mundo” começa nesta quinta-feira (13) e vai até domingo (16). Além do doce, o evento traz shows e quadrilhas juninas.
A cidade de Piranguinho é conhecida pela tradição do pé de moleque. A receita artesanal do doce é tombada como Patrimônio Imaterial de Minas Gerais e Patrimônio Histórico do Município.



Pé de moleque é patrimônio histórico de Piranguinho e patrimônio imaterial de Minas Gerais — Foto: Reprodução/ EPTV

A relação da cidade com o pé de moleque começa antes mesmo de Piranguinho se tornar um município independente, como conta Amélia Cristina Silva Gonzaga Corrêa, secretária municipal de educação, turismo, cultura e esporte.
Ela explica que o comércio do doce começou com uma venda, montada ao lado da estação de trem da linha férrea que cortava a cidade. “A medida que a cidade foi crescendo e com o término da linha férrea, os produtores de doce começaram a montar barracas à beira da rodovia. A partir daí o pessoal foi distinguindo o município como terra do pé de moleque”, detalha.

“Hoje nós temos mais de 15 barracas dentro do município, cada uma com uma cor para identificá-la. A receita dos doces é igual, mas ao mesmo tempo cada produtor dá o seu toque especial ao doce”, ressalta Amélia.


A festa

Quem vai a Piranguinho nesta quinta-feira vai conferir as apresentações de quadrilhas juninas e show com Thaty Barreto. Na sexta, depois de um desfile há a eleição da Rainha da Festa, seguida de show com Vinil Retrô e Thiago & Léo.
Festa tem distribuição gratuita do doce e programação musical  — Foto: Luciano Lopes

Festa tem distribuição gratuita do doce e programação musical — Foto: Luciano Lopes

No sábado, tem apresentações musicais e de dança antes da confecção do doce gigante. Depois de distribuir o pé de moleque para quem prestigia a festa, há ainda shows com Fredson Augusto e Engenharia Sertaneja.

No domingo, para encerrar as festividades, será celebrada uma missa campal às 9h. Depois, tem encontro de violeiros, almoço às 12h e, à tarde, a programação continua com orquestra, quadrilhas juninas e termina com show de Alisson e Pedro. A programação completa está disponível no site da prefeitura.

Veja mais notícias da região no G1 Sul de Minas