Coronavírus: Polícia Civil do DF amplia atendimento pela internet; saiba o que pode ser registrado online

Por G1 DF

Plataforma da Delegacia de Polícia Eletrônica, do DF, em imagem de arquivo — Foto: Nilson Carvalho/Agência Brasília

Por conta da pandemia do novo coronavírus, a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) ampliou os tipos de ocorrências que podem ser registradas pela internet. O acesso é pela plataforma da Delegacia Eletrônica (veja mais abaixo).

As ocorrências podem ser registradas a partir desta quarta (1°). O morador de Brasília pode usar o computador, smartphone ou tablet, explica a PCDF.

“A medida traz mais conforto à população e também colabora para reduzir a aglomeração de pessoas nas delegacias, em especial neste momento de pandemia da Covid-19.”

Mesmo com a medida, as delegacias – que são consideradas serviço essencial – continuam funcionando normalmente, explica o GDF. Trinta delas atendem em regime de plantão ininterrupto de 24h.

Quais os crimes que podem ser registrados pela internet?

Até esta terça-feira (31), apenas nove crimes poderiam ser registrados pela internet. De acordo com a Polícia Civil, a capacidade de atendimento pela internet dobrou e, agora, o número subiu para 12:

  1. Roubo
  2. Lesão corporal
  3. Crimes praticados em outros Estados
  4. Desacato
  5. Desobediência
  6. Constrangimento
  7. Dano
  8. Vias de fato
  9. Violação de domicílio
  10. Receptação
  11. Furto em residência/comércio
  12. Extorsão (virtual)
Polícia Civil do DF amplia atendimento em delegacia eletrônica — Foto: Polícia Civil do DF/Reprodução
Polícia Civil do DF amplia atendimento em delegacia eletrônica — Foto: Polícia Civil do DF/Reprodução

O que não pode ser registrado pela internet?

Segundo a Polícia Civil, os crimes abaixo não podem ser registrados através da Delegacia Eletrônica. É necessário fazer o boletim de ocorrência, presencialmente, em uma delegacia:

  1. Flagrantes
  2. Crime consumado ou tentado de homicídio, feminicídio e infanticídio
  3. Lesão corporal gravíssima ou seguida de morte
  4. Perigo de contágio de moléstia grave ou para a vida ou saúde de outrem
  5. Latrocínio, roubo de veículos ou cargas e roubo com restrição de liberdade, além dos demais crimes contra o patrimônio com emprego de violência física
  6. Extorsão mediante sequestro
  7. Estupro
  8. Furto de veículo
  9. Casos de violência doméstica e familiar contra mulher, criança ou idoso

Funcionamento das delegacias

Fachada da 5ª Delegacia de Polícia, na Asa Norte, no Distrito Federal — Foto: TV Globo/Reprodução

Fachada da 5ª Delegacia de Polícia, na Asa Norte, no Distrito Federal — Foto: TV Globo/Reprodução

Mesmo com as normas de restrição de serviços na capital, devido à pandemia, as delegacias do DF são consideradas serviço essencial e funcionam normalmente. No entanto, a Polícia Civil estipulou procedimentos a serem adotados nas unidades.

Entre eles estão:

  • Ao entrar na recepção da unidade, o cidadão será orientado a realizar a higienização de suas mãos antes do atendimento;
  • Nas recepções e/ou balcões, deverá ser adotada uma distância mínima de 2 metros para o atendimento;
  • Os servidores que trabalham no atendimento ao público deverão zelar para que permaneça o mínimo possível de pessoas no ambiente, a critério do dirigente de cada unidade, de modo a evitar aglomerações no interior da unidade policial.

Leia mais notícias sobre a região no G1 DF.

RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter